Um dos maiores medos dos advogados é perder algum prazo processual. 

Afinal, imagina só não ganhar uma causa importante por não ter observado o prazo corretamente. 

Perder um prazo pode fazer com que bons clientes parem de confiar no advogado e limita as chances de novas indicações. 

Nós, da Legalcloud, temos certeza de que você não deseja isso na sua advocacia. 

Para evitar essa situação, o melhor caminho é o acompanhamento de prazos processuais. 

O acompanhamento de prazos processuais é a maneira mais segura de o advogado não perder nenhum prazo processual e estar sempre em dia com as suas obrigações. 

E nós vamos explicar o porquê disso e ensinar como acompanhar prazos corretamente. 

Nesse texto, você vai:

  • Saber por que é importante acompanhar a contagem de prazos processuais
  • Entender o passo a passo para acompanhar prazos corretamente
  • Conhecer ferramentas para acompanhar a contagem de prazos com segurança

Receba atualizações exclusivas sobre prazos processuais seguindo o nosso Instagram

Por que eu deveria fazer o acompanhamento de prazos processuais? 

Antigamente, a alteração de prazos processuais não era uma prática tão frequente.  

No entanto, atualmente, as alterações nas datas dos prazos têm sido muito comuns, sobretudo por conta do advento do PJe. 

Indisponibilidades do sistema, transferências de feriados, mudanças climáticas e greves são alguns dos motivos mais comuns das frequentes mudanças nos prazos.  

Por essa razão, é fundamental que os advogados estejam sempre de olho nos sites dos Tribunais e nos Diários de Justiça para que nunca percam as datas de seus processos.  

Para deixar claro o quanto é necessário acompanhar os prazos processuais, separamos algumas informações que podem impressionar você.  

Você sabia, por exemplo, que:  

Os tribunais brasileiros costumam transferir feriados nacionais e estaduais 

Sim! Isso já aconteceu em 2019 no TJAP. O desembargador Carlos Tork assinou uma Portaria que transferiu o feriado nacional da Proclamação da República, dia 15/11, para o dia 13/10. Em novembro esta portaria foi revogada!  

Muitos tribunais suspenderam os prazos antes da Resolução 313 do CNJ, do dia 20/3 

Sim! Muitos tribunais já tinham estabelecido medidas de prevenção ao COVID-19, inclusive a suspensão dos prazos processuais. 


No mês de julho de 2019, o TRT-1 (RJ) ficou indisponível por 22 dias 

Sim! Na Legalcloud você pode encontrar todas as certidões de indisponibilidade do sistema e documentos publicados pelos tribunais que afetaram o seu prazo. 

Esses são apenas alguns exemplos de alterações de prazos que pegaram de surpresa muitos advogados. 

Há vários outros. E são muito mais frequentes do que os advogados imaginam. 

Por essa razão, não há dúvidas de que o acompanhamento constante dos prazos é fundamental para os profissionais que não desejam ter dores de cabeça desnecessárias ao longo dos processos.  

No entanto, as alterações frequentes não são os únicos motivos para o advogado acompanhar prazos com maior rigor.  

Uma boa contagem de prazos processuais pode fazer o sucesso do advogado  

Uma das grandes reclamações do público em relação a alguns advogados ou profissionais jurídicos é relativa à perda de prazos processuais.  

Não acompanhar um prazo da maneira correta pode gerar danos aos processos dos clientes e à própria reputação do profissional. 

Advogados que respeitam prazos costumam ser bem vistos em relação ao seu profissionalismo e confiabilidade e tendem a ser considerados melhores profissionais por seus clientes.  

Isso faz com que o número de indicações cresça e torna maior a possibilidade de bons clientes retornarem aos serviços advocatícios. 

Acompanhar um prazo é fundamental para melhorar a organização do advogado e aumentar o seu profissionalismo diante do público. 

No entanto, a grande questão é: como acompanhar a contagem de prazos da maneira correta? 

Por esse motivo, selecionamos um passo a passo para você acompanhar prazos com segurança. 

Como acompanhar prazos processuais? PASSO A PASSO 

O acompanhamento de prazos pode parecer complexo para muitos advogados. 

No entanto, ajudaremos você a fazer isso da maneira mais segura possível com as nossas dicas. 

Passo #1 Esteja sempre de olho nos sites dos Tribunais 

Os sites dos Tribunais são os locais mais seguros para verificar se houve alguma mudança nos prazos processuais. 

Neles, há todas as informações sobre mudanças no expediente e modificações nos prazos, além de outras notícias sobre o dia a dia dos Tribunais. 

O ideal é que você mantenha uma frequência de verificação nas notícias dos sites, nos Diários de Justiça e nas Portarias e Provimentos. 

Assim, você terá muito mais segurança sobre os prazos processuais dos seus processos.  

Aqui nós temos um GUIA DEFINITIVO sobre a contagem de prazos no Novo CPC.

Atenção: Fique ligado nas notícias da região dos Tribunais  

Muitas alterações nos prazos decorrem de situações que estão ocorrendo nas regiões em que os Tribunais estão localizados.  

Um exemplo disso são algumas mudanças climáticas extremas, como fortes chuvas. 

Outro exemplo é quando ocorrem algumas greves que afetam o funcionamento dos Tribunais. É o caso que ocorreu na Greve dos Caminhoneiros.  

Situações como essas são bons indicativos de que os prazos poderão vir a ser alterados. 

Por isso, fique de olho nas notícias e, caso ocorra algo relevante, verifique os sites dos Tribunais. 

A nossa dica especial: receba publicações 

Verificar as portarias e provimentos dos Tribunais é o caminho mais seguro para o bom acompanhamento dos prazos processuais. 

No entanto, nem sempre isso é possível para muitos advogados.  

Uma boa ideia é que o advogado contrate algum serviço de envio de publicações dos Tribunais de sua preferência.  

Assim, ele pode ter os documentos que comprovem as alterações de prazos em suas mãos, garantindo o máximo de segurança ao seu trabalho. 

[IMPORTANTE] Você sabia que é preciso comprovar a indisponibilidade eletrônica ou comprovar o feriado local para não perder um prazo?

Passo #2 Simule prazos, constantemente, em ferramentas confiáveis 

Embora seja uma necessidade, nem sempre os advogados possuem tempo hábil para verificar todos os seus prazos processuais nos Diários, Portarias e Provimentos dos Tribunais. 

Por esse motivo, a nossa dica é que o profissional utilize ferramentas confiáveis para o cálculo de seus prazos processuais.  

Uma boa ferramenta é a Legalcloud, bem avaliada pelos advogados e Tribunais do Brasil.  

Nela, é possível simular prazos de acordo com os Códigos CPC, CLT (antes e após a reforma) e os prazos dos Tribunais Federais, Estaduais, Trabalhistas e Superiores. 

Passo #3 Utilize ferramentas para o acompanhamento de prazos 

Inovações no mercado, as ferramentas de acompanhamento de prazos têm sido esperadas por muitos advogados. 

Elas notificam os advogados sobre possíveis alterações em seus prazos processuais e permitem que os profissionais tenham muito mais tranquilidade na gestão do seu trabalho.  

Uma boa opção é a Claudia, a assistente virtual de acompanhamento de prazos da Legalcloud. 

A Claudia possibilita que os advogados possam acompanhar os seus próprios prazos ou, até mesmo, os prazos da outra parte do Processo. 

A assistente notifica os usuários por email sobre possíveis alterações nos prazos processuais do seu interesse que estejam salvos na Calculadora de Prazos. 

Ela é exclusiva para o Plano Premium da Legalcloud e, durante o período do coronavírus, terá acesso grátis por 7 dias para que os usuários possam testar a ferramenta.  

Passo #4 Crie uma agenda de prazos 

Ter uma agenda de prazos processuais é uma prática muito utilizada por muitos profissionais.  

Você pode fazê-la em fisicamente, em papel, ou então virtualmente, utilizando agendas virtuais. 

Veja uma tabela com todos os prazos processuais do Novo CPC.

A vantagem das agendas virtuais é que a maioria delas possui ferramentas de notificação. Assim, você será avisado sobre quais prazos estão chegando.  

A utilização de agendas deve ser acompanhada da verificação constante nos sites dos tribunais e devem ser atualizadas conforme as alterações.  

Está seguro para acompanhar os seus prazos processuais? 

Acompanhar prazos processuais não é uma tarefa fácil para nenhum advogado.  

No entanto, atualmente, já há estratégias e ferramentas muito úteis para os profissionais ficarem sempre de olho em seus prazos.  

O segredo é manter um planejamento constante para a verificação dos prazos nas ferramentas e, ou, nos sites de Tribunais. 

Utilizar ferramentas para o cálculo e o acompanhamento de prazos também é uma prática que tem ajudado na vida corrida da maioria dos advogados. 

Calculadora Legalcloud e a assistente de prazos Claudia são exemplos de ferramentas que têm auxiliado muitos profissionais. 

Com elas, você poderá se sentir muito mais seguro com as suas tarefas e terá mais tranquilidade para o seu trabalho e para a sua vida. 

Que tal começar a organizar o acompanhamento dos seus prazos processuais e dar um up na sua advocacia? 

Gostou do texto? Deixe uma mensagem ?.  

Quer estar sempre informado sobre prazos processuais? Siga o nosso Instagram.

Share via